terça-feira, agosto 02, 2005

The Fountain



O talentoso Darren Aronofsky estreará no final deste ano o seu novo filme, intitulado “The Fountain”.

“The Fountain” une três períodos históricos diferentes em três contos paralelos (a invasão do Império Maia pelos espanhóis em 1535, a procura da cura do cancro nos dias actuais e o futuro nos confins do universo) através das aventuras de Thomas (Hugh Jackman) – um guerreiro, doutor e explorador – que encontrou a Fonte da Juventude e busca incessantemente uma maneira de vencer a morte e prolongar a vida da mulher que ama. É uma demanda pela imortalidade, numa história de amor, morte, espiritualidade e sobre a fragilidade da nossa existência. Numa visão da morte como processo de renascimento.

Até ao momento pouco foi divulgado acerca do filme. Hugh Jackman (o Wolverine de X-Men) e Rachel Weisz (“Constantine”) fazem parte do elenco, mas anda tudo envolto num mistério que incandesce: não existe uma data de lançamento definida, apenas existem três fotos divulgadas oficialmente, não existe site oficial, nem poster, nem qualquer tipo de trailer e a produção permanece enigmática.
É mais um dos filmes muito aguardados por mim. Darren Aronofsky tem um olho cinematográfico extremamente audaz. Acredito que se poderá tornar num cineasta de culto e deixar uma marca venerável na história da Sétima Arte. Após o fenómeno de culto indie lançado em 1998 e intitulado “Pi” (um intrincado “mind expanding” que funciona como objecto de Arte graças às suas ideias filosóficas e profunda doutrina), Aronofsky voltou à carga em 2000 com a sua admirável obra “Requiem for a Dream”, numa inquietante viagem às funduras do desespero e da auto-destruição.
Espero que desta vez os filmes de Aronofsky estreiem numa sala de cinema.

12 Comments:

Blogger brain-mixer said...

Epá, este era um daqueles que já nem me lembrava! Devido à falta de promoção e informação... Mas certamente será um daqueles a analisar no meu blog. venha ele!;)

10:31 da manhã  
Blogger Francisco Mendes said...

Ah pois é... quem é amigo, quem é? :)

Nada de esquecer Aronofsky!!

11:35 da manhã  
Blogger André Batista said...

Boa antevisão Francisco!Há já muito tempo que este filme me agarrou o interesse, muito devidoi a isso de de se passar em vários 'tempos'. Ontem saíram duas novas fotos do filme, e podem encontrá-lo num site cinéfilo qualquer. Abraço!

11:39 da manhã  
Blogger Francisco Mendes said...

É verdade... Abraço!

11:43 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

The Fountain tb é um dos mais esperados por mim... pena que não esta sendo mto divulgado mesmo... ah soh uma coisa: Rachel Weisz nao esta em Sin City... bom pelo menos eu nao a reconheci e tb nao esta na filmografia dela no imdb... ;) t+

1:20 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Esse pormenor já foi corrigido... confundi-a com Carla Gugino... porque será?... :|

2:10 da tarde  
Blogger brain-mixer said...

Francisco, um grande obrigado! A minha cabeça já estava um bocado 'abanada', sabes como é... Este Aronovsky também tem o gosto de adiar e demorar os projectos que tem em mão,um pouco como Tarantino e Mallick. Já estás a ver a onda dele: Torturar os fãs...

3:54 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Podes crer.
Adia e encobre tudo, deixando-nos a fervilhar de desespero por novidades.

4:06 da tarde  
Blogger usucapiao said...

Olá!
Enquanto buscava algo sobre esse belíssimo filme encontrei seu blog e gostei da sua descrição da obra, pretendo citá-lo em um post que farei sobre esse que em minha opinião foi o melhor filme do ano.

[]s

10:51 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Bem-vindo!
Fico feliz por ter agradado.

8:40 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

"The Fountain" revolucionou a história de fazer cinema, Aranofsky conseguiu fazer aquilo que já se previa com PI e com o Requiem: vincar as suas raízes na 7ª arte.
Este filme esteve nos cinemas UCI, foi magnífico vê-lo num grande ecran.

Gosto do teu blog :)

12:24 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Muito bem-vindo!
Mas para a próxima, gostava que assinasse o comentário, se não for incómodo :)

Quanto ao filme... absolutamente de acordo.

12:51 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

Site Meter