terça-feira, fevereiro 13, 2007

9



Com produção a cargo de Tim Burton e Timur Bekmambetov, a assombrosa curta-metragem de Shane Acker, “9”, irá ser expandida para o formato de longa-metragem. A animação de computação gráfica de 2005 segue um boneco de trapos vagueando num cenário pós-apocalíptico, outrora dominado pelos humanos. À solta, deambula uma criatura mecânica devoradora de almas.
Quem teve o privilégio de visionar a curta, sabe que não existe diálogo. Contudo, a versão longa-metragem que se desenvolve no Luxemburgo, terá o contributo vocal de Christopher Plummer, Martin Landau, Elijah Wood e John C. Reilly. A visão de Acker suporta múltiplos elementos cinemáticos, mas convém tecer renovadas complexidades narrativas para opulentar a tapeçaria que se pretende alargar. A curta, essa é magistral e fausta em atmosfera.

9 Comments:

Anonymous Miguel Louro said...

bom dia, resolvi passar e comentar 1a grande novidade: já se encontra agendada a estreia de INLAND EMPIRE nas salas de cinema portuguesas! DIA 5 DE ABRIL, fixem, estará disponivel nos cinemas do país o ultimo delirio (ou n) de Lynch

1 abraço

1:22 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Excelente notícia.

2:10 da tarde  
Blogger RPM said...

olá camarada...

então vamos esperar que chegue cá...

abraço

RPM

2:29 da tarde  
Blogger wasted blues said...

Falei disto há tanto tempo no wasted blues e nunca mais ouvi falar. Até me tinha esquecido do projecto.

http://mywastedblues.blogspot.com/2005/10/burton-anime.html

3:19 da manhã  
Blogger Francisco Mendes said...

Rui: Só se for em DVD...

Abraço!

Wasted Blues: Esta personagem "9", pela forma como vagueia pela terra e recolhe vários objectos que lhe podem vir a ser necessários, evoca-me as criaturas Jawas de "Star Wars".

8:32 da manhã  
Anonymous Miguel Louro said...

o filme de Lynch vai estrear mesmo no dia 5 de Abril sob a chancela da ATALANTA FILMES em sala de cinema =)

www.atalantafilmes.pt


1 abraço e boa sorte com o blog =D

9:47 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Ele que venha.

8:29 da manhã  
Anonymous Pedro Ginja said...

Mais um delírio do Lynch.
às vezes pergunto-me se ele próprio sabe sobre o que são os seus filmes?

Eu a maior do tempo não tento sequer pensar nisso. Mas não deixo de ser fã por isso. Mas tenho saudades de um filme tipo "Uma História Simples" - Lynch no seu melhor sem grandes teorias ou ideias do que fala o filme.

Ok, mas eu queria falar um pouco deste "9". Parece-me uma excelente notícia. Qualquer coisa onde o Burton mete o "bedelho" só pode ter qualidade. E o "Swenney Todd"? Isso sim, vai ser um delírio...

Abraço.

12:22 da manhã  
Blogger Francisco Mendes said...

Podes crer. Também estou em pulgas pelo "Sweeney Todd". :)

Abraço!

9:52 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

Site Meter