quinta-feira, novembro 16, 2006

Curiosidade de pacote de cereais



Monica Vitti, nome artístico de Maria Luisa Ceciarelli, foi a actriz que participou em todos os filmes da chamada Tetralogia da Alienação de Michelangelo Antonioni: “L'avventura” (1960), “La notte” (1961), “L'eclisse” (1962) e “Il deserto rosso” (1964). O que poucos sabem é que a parceria de Vitti com Antonioni não foi encetada em “L’avventura”, mas em “Il Grido” (1957). Nessa película, Monica Vitti dobrou Dorian Gray, a actriz que desempenha Virginia, a proprietária da bomba de gasolina. Antonioni considerou inadequada a voz de Dorian e aprovou Monica após a sua descoberta numa peça teatral. A convivência entre Antonioni e Vitti amplificou num vínculo amoroso que durou alguns anos.

8 Comments:

Blogger pintoribeiro said...

Bom dia, abraço,

10:50 da manhã  
Blogger mfc said...

Era esplendorosa!

O post abaixo tem uma sequência fotográfica extraordinária.
Parabéns pelo bom gosto.

3:02 da tarde  
Blogger Hugo Alves said...

Sempre tive dificuldades em achar que era uma tetralogia. É que em "Il deserto rosso" o Cinema de Antonioni evolui. Passa a dar mais ênfase aos ambientes e à sua influência nas personagens. O único elo de ligação é mesmo Monica Vitti.

É curioso, das vezes que vi "Il grido" nunca reparei que a voz era da Monica Vitti. (devia ter estado mais atento!).

3:42 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

pintoribeiro: Boa tarde.
Abraço!

mfc: Era sim.

Muito obrigado pelas palavras.

Hugo: Compreendo a tua apreciação, mas suporto a opinião que o tema da alienação é explorado em "Il deserto rosso" com vibrações pós-modernas, acompanhando o facto simbólico de ser o seu primeiro filme a cores. A alienação é explorada de forma gradual, com uma destreza reflectida em meticulosos fotogramas que intersectam contrastes coloridos, aprofundando com densidade visual o seu tema predilecto.

E claro, Monica Vitti é o elo refulgente.

4:50 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Desculpem os puristas, mas essa não é a minha onda...

Desculpem os nostálgicos, mas nunca vi qualquer um destes filmes...

Desculpa Francisco, mas infelizmente desta vez posso apenas comentar assim...

Um abraço!

7:58 da tarde  
Blogger H. said...

Bem... Eu vou tomar este post como um mto especial lembrete para pôr em dia alguns Antonioni's em falta :|

9:37 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

E à parte isto, sei que vais gostar de saber que ZODIAC de David Fincher já tem trailer online!
Dá uma vista de olhos aqui!

12:09 da manhã  
Blogger Francisco Mendes said...

Edgar: Na boa.

Quanto ao trailer do novo do Fincher... existem belos planos de San Francisco, mas a música escolhida para o dito cujo, está assim... a modos que fraquinha...
Mas a confiança no homem é enorme.

Helena: Contemplar Antonioni é algo indeclinável. :)

9:56 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

Site Meter