terça-feira, setembro 05, 2006

"Reservoir Dogs" – 15 anos

Encontram-se satisfeitos com as vossas edições especiais do 10º aniversário de “Reservoir Dogs” de Quentin Tarantino? Então que me dizem do formato lata de gasolina da edição limitada que irá ser lançada para comemorar o 15º aniversário? E que tal esta em formato caixa de fósforos?

Isto é tudo muito bonito e tal, mas como é que vou encaixar isto na prateleira, juntamente com os restantes DVD’s? Lá terei de arranjar maneira, caso contrário ainda vão parar à garagem ou à cozinha… consoante o formato adquirido.

24 Comments:

Blogger José Miguel said...

Tudo o que está directamente relacionado com o Sr. Tarantino consegue sempre surpreender-me.

Estas novas caixas têm um aspecto óptimo que com certeza irão vender bastante!

Abraço Francisco.

11:25 da manhã  
Blogger RPM said...

Olá amigo Francisco. Bom dia....

nada como um bom merchandising(!) para uma revivalismo de um filme que marcou...e a caixa de fósforos e a lata de gasolina apareceram no filme.....

muito bem. Gosto das ideias. Agora..de certeza que são objectos grandes para pararem na cozinha...

abraço grande

RPM

1:05 da tarde  
Blogger André Carita said...

brutal!
realmente se estas ideias inovadoras pegarem moda daqui a pouco tou a imaginar uma edição especial de Saw em formato de serra, hostel em formato de black and decker, ...

Quanto ao Reservoir Dogs prefiro arranjar o DVD do videojogo que sempre encaixa na prateleira :P

Um abraço!

3:00 da tarde  
Blogger wasted blues said...

Bem, se já viste o meu outro blog, deves ter reparado que sou uma coleccionadora de DVD's e também destas edições bem especiais.

Esta já está em pre-order desde o início de Agosto ;)

Já agora uma correcção, a embalagem tipo caixa de fósforos e a lata de gasolina são a mesma edição. Suponho que a caixa esteja dentro da lata ;)

3:13 da tarde  
Blogger Dora said...

Já conhecia porque a minha amiga Wasted já me tinha mostrado!

3:33 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

José Miguel: Mais dinheiro em caixa para um filme com um orçamento risível.
Abraço!

Rui: É um dos meus filmes de culto.
Abraço!

André: Sabias que também irá sair um pacote especial desta edição com o videojogo? O sonho de qualquer coleccionador, mas a minha tara não chega a tanto.
Abraço!

Wasted: Aparentemente, existe a possibilidade da caixinha de fósforos ser vendida em separado, numa segunda versão da edição limitada.

Também já li que ambas se adquirem em separado, mas acho mais plausível a caixinha de fósforos vir dentro da lata.

O que é certo é que existirão duas versões desta edição especial.

Enfim... vivemos em crise, mas para materialismos há sempre carcanhol... e muito!

Se o Tyler Durden fosse real, torturava-nos a todos... :) E com razão...

Dora: Nunca é demais realçar esta edição comemorativa.

4:31 da tarde  
Blogger wasted blues said...

http://www.deepdiscountdvd.com/dvd.cfm?itemID=LGE019837

10:42 da tarde  
Blogger Hugo Alves said...

Esta edição é fantástica...No mínimo.

11:08 da tarde  
Blogger Xplod said...

Eu ainda ando á procura de uma carteira a dizer BMF

11:27 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Wasted Blues: http://www.omelete.com.br/cinema/news/base_para_news.asp?artigo=19583

Hugo Alves: Todos de acordo.

XploD: De certeza que muitos a ambicionam.

9:22 da manhã  
Blogger brain-mixer said...

Já agora, a questão crucial: QUANTO CUSTA??!?

12:17 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Vai ao site que a Wasted aconselha. Uma pechincha!!

12:25 da tarde  
Blogger wasted blues said...

Eu fiz o pre-order da minha edição a 14 de Agosto em www.axelmusic.com - loja de absoluta confiança, onde não se pagam portes e não há risco de apanhar alfândega ;)

LINK DIRECTO - http://www.axelmusic.com/productDetails/012236198376

Francisco, eu coloquei aquele link e ainda te posso dar outros que dizem que a edição caixa de fósforos e a lata de gasolina são uma única edição. Ora vê, por exemplo, a foto da axel ;) ou aqui - http://www.davisdvd.com/news/news.html - "The packaging comes in a limited edition matchbook case with a photo gallery, along with an outer metal case in the shape of a gasoline can".

10:08 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Nos meus comentários, também menciono essa possibilidade (caixa de fósforos dentro da lata). Mas o formato em caixinha de fósforos, também será vendido separado da lata.

Por mim tanto me faz... até podiam colocar dentro da lata mais umas pistolas, um litro de sangue e uma orelha... :)

10:48 da tarde  
Blogger wasted blues said...

Em todos os sites que encontrei referência a esta edição só falam numa única edição (caixa de fósforos dentro da lata). Dou mais crédito a estas fontes que encontrei do que a esse site brasileiro que só deve traduzir, e mal, a informação que vê em sites americanos (a edição é R1).

Até podes não querer saber da edição (não deve ser o caso, senão não estaria no teu blog) mas convém dá-la correctamente ;) Mas logo veremos, em Outubro.

11:48 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

O link que te dei não foi o único que visionei, obviamente.
Repito: O formato «caixinha dentro da lata» existe e será aquele pelo qual os coleccionadores inveterados salivam. Mas a Lion's Gate, ainda planeia lançar outros formatos, sendo um deles a caixinha de fósforos sozinha. Não seria um caso virgem, uma edição limitada ser lançada em vários formatos.

Aliás sempre achei piada a este conceito «Edição Limitada». Cinco anos após uma Edição para comemorar os 10 anos, lançam-se novamente às carteiras dos coleccionadores. :)

É como se o filme em si deixasse de ter importância e só fosse importante o invólucro. É pena...

Por mim, acho que vou aguardar pela Edição Boda de Prata (25 anos), que certamente virá dentro de uma caixa em formato orelha, com sangue a jorrar como uma fonte adquirida numa loja de decoração. Isso sim, ficava a matar na minha prateleira! :)

10:34 da manhã  
Blogger wasted blues said...

"É como se o filme em si deixasse de ter importância e só fosse importante o invólucro. É pena...

Não vou nesses radicalismos. Há de facto muito boa gente que coloca a embalagem à frente do conteúdo. Mas não devemos cair em generalizações moralistas.

Eu, por exemplo, tenho várias edições fora do vulgar. Mas a embalagem é um bónus e não o motivo da compra. Em 1º lugar está o filme, depois os extras, depois a embalagem.

Quanto à tua pergunta "onde vou guardar isto na prateleira" - simples, eu tenho uma prateleira só para as invulgares ;)

12:01 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Espero que não fiques com a sensação que intento ser moralista... estou bem longe de almejar esse epíteto.

Mas reitero o que disse: possuir várias edições de um filme, representa (para mim) consumismo crónico. É uma patologia pela qual muitos cinéfilos superficiais padecem. Felizmente não é o teu caso! :)
O conteúdo fílmico é o elemento vital para um bom coleccionador.

12:28 da tarde  
Blogger wasted blues said...

Não concordo (totalmente) porque existe algo que se chama coleccionismo ;)

Há exageros e acredita que como frequentadora de fóruns e sites internacionais sobre DVD's me apercebo bem dessa realidade.

No entanto, também há excepções.

Eu, por exemplo, tenho dezenas de edições do Peter Pan, algumas bem antigas. Eu chamo-lhe colecção especial, tu chamas-lhe consumismo?

Em termos de DVD's é raro fazer double dip. Mas tenho uma excepção - várias edições de um filme que tem um grande significado para mim - 'Wizard of Oz'.

Estes exemplos para dizer que não se pode ver tudo a preto e branco ;)

10:59 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Chama-lhe o que quiseres, pois eu também utilizarei os apelidos que muito bem entender. Ao que tu chamas exagero, eu chamo-lhe demência. ;)

Mas enfim... o consumismo encontra-se tão enraizado globalmente que até já chega a ser encarado como algo absurdamente natural. Respeito o coleccionismo (ou lá o que lhe quiseres chamar), mas prefiro manter-me bem distante da superficialidade com que alguns (repito: alguns... não todos) encaram uma Obra de Arte. Prefiro alojá-la na memória, na alma e no coração, do que exibi-la numa prateleira a ganhar pó.

11:36 da tarde  
Blogger wasted blues said...

Estamos a falar de casos extremos e, sem dúvida, que existem. Não é raro em alguns fóruns ficar estupefacta com algumas pessoas que têm 10 edições diferentes do mesmo filme e nem sequer ainda o viram, ou ainda casos de pessoas que mantém as edições seladas. Acredita, também me choca!

Mas algumas das tuas tiradas soam a radicalismo. Se há pessoas que preferem colecionar 10 edições dum DVD, também há as que procuram selos, tampas de caricas, bd, postais, etc. É fácil julgar, caro francisco ;)

3:58 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Achando realmente que julgo algo/alguém, facilmente te aperceberás que também me julgas com leve simplismo. Se me encaras como um radical por preferir um filme em si, ao merchandising patético que o rodeia, então utiliza todos os apelidos que desejares. A sério... recebo-os de braços abertos e sorriso nos lábios. Adoro ser julgado moralmente, cara Wasted. :)

Apenas reitero a minha opinião (demasiado etérea para alguns): Aceito perfeitamente sem problemas a superficialidade de alguns militantes coleccionistas (cada cabeça, sua sentença), mas pessoalmente prefiro alojar um filme na memória, na alma e no coração, do que exibi-lo numa caixa toda catita que ganha pó numa prateleira.

8:04 da tarde  
Blogger wasted blues said...

Não te julgo porque me estaria a julgar a mim também, visto ser uma amante do cinema em primeirissimo lugar, só depois uma coleccionadora ;)

Da minha parte, tudo de bom e espero que não tenha surgido nenhum mal-entendido quanto a tons ou ideias. A net nessas e outras coisas continua a ser muito limitativa em diálogos e "discussões".

11:16 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Claro que não surgiu nenhum mal por existir a possibilidade de palmilharmos trilhos antagónicos. Sempre asseveramos uma condição cortês e isso é o mais importante. Continuo firme nas minhas conjecturas sobre a tua sublime sensibilidade cinematográfica. O primor do teu bom-gosto nunca esteve em causa... aliás é um dado adquirido, prezada colega.

9:21 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

Site Meter