terça-feira, maio 30, 2006

I'm Not There



Com “No Direction Home”, Martin Scorsese seguiu a estranha evolução de Bob Dylan entre 1961 e 1966, desde cantor folk a cantor protestante e de «voz de uma geração» até estrela rock. Todd Haynes (“Velvet Goldmine”), propõe uma abordagem pelas ruminações existenciais de Dylan, enquanto diversas personagens representam um aspecto particular da vida e trabalho do músico. O filme chama-se “I’m Not There”, tem estreia marcada para o próximo ano e conta no elenco com estes nomes: Christian Bale, Heath Legder, Richard Gere, Cate Blanchett, Michelle Williams, Julianne Moore e Charlotte Gainsbourg. Se ainda não captei a vossa atenção, pois fiquem sabendo que, por exemplo, Cate Blanchett irá interpretar o compositor andrógino Jude, uma configuração específica da personalidade de Dylan.

15 Comments:

Blogger RPM said...

Bom dia meu amigo!!!

mais um filme. Um filme sobre um cantor rebelde, num momento em que nos USA, a contestação contra Bush, vai aumentando.

abraço forte

RPM

8:49 da manhã  
Blogger Francisco Mendes said...

Estou imensamente curioso por esta peculiar abordagem da mente de Dylan.

Abraço amigo!

9:15 da manhã  
Blogger brain-mixer said...

Ah mas ao início do teu texto até já pensava que o filme seria do Scorsese :P

11:01 da manhã  
Blogger Francisco Mendes said...

Manobras de diversão... :)

11:10 da manhã  
Blogger Nothingman said...

Já tinha visto esta noticia algures e achei realmente interesante a ideia de Bob Dylan ser interpretado por 7 pessoas (incluindo mulheres).

http://highfidelity.blogs.sapo.pt/

1:12 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Isto é absolutamente interessante!

2:05 da tarde  
Blogger André Batista said...

Isto vai ser algo de transcendente :D

3:46 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Digamos que espero algo... engraçado... :)

3:58 da tarde  
Blogger hala_kazam said...

Heath Legder

vou ver... vou ja marcar na agenda

ehehe

*beijo*

11:03 da tarde  
Blogger H. said...

Ponhamos as coisas nestes termos: adoro Dylan, gostei imenso do No Direction Home, estou ansiosa por este novo projecto.
Mas, nada como ouvi-lo... Esse sim, seria provavelmente o meu concerto de sonho!

11:11 da tarde  
Blogger Isa said...

Interessante! Também gostava mais de ouvi-lo em concerto...tambourine man, just like a woman...mas na altura venho cá ver a crítica :p

Um abraço.

12:47 da manhã  
Blogger RPM said...

bom dia camarada amigo!

hoje estou a 'sêco'....vou ter que esperar um pouco mais pela história do dia

abraço forte, Francisco e, obrigado pelo teu apoio

RPM

8:03 da manhã  
Blogger Francisco Mendes said...

hala_kazam: E para as senhoras sempre existe o Richard Gere.

Helena: Coloquemos as coisas nestes termos... Ouvi-lo não é muito a minha onda...

Isa: Fica combinado.

Rui: Ficamos a aguardar.
Abraço!

8:36 da manhã  
Blogger Mário Lopes said...

Grande elenco :)! E esse pormenor da Cate Blanchett :o WOW...estou curioso!

Abraço

Mário Lopes
http://lordofthemovies.blog-city.com

5:09 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

É uma proposta de Cinema irresistível.

Abraço!

6:08 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

Site Meter