quinta-feira, julho 05, 2007

Aquele sorriso


Fotograma de “Donnie Darko

Um sorriso passeia-se por momentos no rosto de Donnie, logo após soltar uma gargalhada ao destino. Inspira quietude. Desafogo. Paz de espírito. Donnie buscou por um significado no meio do caos, pela fundação da sua própria verdade quando inserido num mundo onde a mesma se encontra ausente. No fim da sua jornada existencial, tudo se encontra bem, apesar de uma lágrima em forma de turbina ser derramada pelos céus. A solidão já não faz parte da equação. Donnie aconchega-se por fim num coração repleto de Amor. O Amor, essa força motriz da interacção humana. Essa única energia capaz de rasgar tempo e espaço para transcender o caos.

5 Comments:

Blogger curse of millhaven said...

quando se tem o Amor, já não se está sozinho... :)

6:17 da tarde  
Blogger Paula said...

Adorei o seu blog! muito profissional sim senhor, vou passando por aqui, até breve

6:38 da tarde  
Blogger Francisco Mendes said...

Curse: Ora aí está uma verdade universal... :)

Paula: De profissional não tem nada ;)

Muito obrigado e bem-vinda!

8:37 da manhã  
Blogger Maria del Sol said...

Gostei deste breve e belo apontamento cinéfilo que tem subjacente uma bela máxima :)

9:00 da manhã  
Blogger Francisco Mendes said...

:)

10:40 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

Site Meter